• Guilherme Fernando Ferrari

Planilha de Índices Financeiros | Liquidez, Patrimonial, Econômica e DuPont



A função financeira compreende os esforços dispendidos objetivando a formulação de um esquema que seja adequado a maximização dos retornos dos proprietários das ações ordinárias da empresa, ao mesmo tempo em que possa propiciar a manutenção de um certo grau de liquidez.

Conceito e Importância da Análise Financeira

A análise financeira refere-se à avaliação ou estudo da viabilidade, estabilidade e capacidade de lucro de um negócio ou projeto. Engloba um conjunto de instrumentos e métodos que permitem realizar diagnósticos sobre a situação financeira de uma empresa, assim como prognósticos sobre o seu desempenho futuro.

  • Análise das Demonstrações Financeiras: É a ciência que estuda e controla o patrimônio das entidades mediante o registro, a demonstração expositiva e a interpretação dos fatos nele ocorridos, com o fim de oferecer informações sobre sua composição, suas variações bem como sobre o resultado econômico decorrente da gestão da riqueza patrimonial.

  • Análise de Balanços: é a arte de saber extrair relações úteis, para o objetivo econômico que tivermos em mente, dos relatórios contábeis tradicionais e de suas extensões e detalhamentos, se for o caso. É o desejo de conhecer o estado econômico, financeiro e reditual, as modificações ocorridas e suas causas, e ainda as projeções que possam ser feitas.

  • Objetivos: objetiva extrair informações dos demonstrativos financeiros para auxílio à tomada de decisões. A Análise transforma os dados contábeis em informações.

  • Dados: são números ou descrições de objetos ou eventos que isoladamente não provocam nenhuma reação no setor.

  • Informações: representam, para quem as recebe, uma comunicação que pode produzir reação ou decisão, freqüentemente acompanhada de um efeito surpresa.

  • Padronizar ou reclassificar as contas: Objetiva dar as demonstrações financeiras forma mais adequada para análise

  • Análises Vertical e Horizontal: Possibilita a descrição e detalhamento da situação econômico-financeira que escapa da abrangência dos índices

  • Análise através de índices: Permite a elaboração de um diagnostico geral da situação econômico-financeira da empresa

  • Análise do capital de giro: Evidencia como a administração toma decisões que afetam os investimentos e o financiamento do capital de giro

  • Análise da Rentabilidade: Objetiva dar uma ampla e profunda visão dos fatos que interferem na rentabilidade da empresa.

  • Sistema Dupont: reúne a margem líquida, a qual mede a lucratividade sobre as vendas, com o giro do ativo total, que indica a eficiência da empresa na utilização dos seus ativos para geração de vendas.

Conforme a numeração as células destacadas em cinza deverão ser preenchidas, por consequência, as contas sintéticas do balanço patrimonial, com isso, formando a análise financeira.

Link para download: Planilha de Índices Financeiros Quer mais? Acesse a relação de planilhas e o site.


  1. Com o balanço patrimonial devidamente fechado e reclassificado preencher as contas que são pertinentes do ano 01. Já nesta planilha optem-se a Análise Vertical e Horizontal. A estrutura do modelo proposto é o balanço referencial da Receita Federal;

  2. Para análise comparativa entre dois anos, faça o mesmo para o ano 02. Importante! Observe que na célula G11 um que existe um filtro para facilitar a visualização, remove-o se necessário;

  3. O preenchimento do primeiro e segundo item leva automaticamente para as outras planilhas, no caso, de Índices de Liquidez, Estrutura Patrimonial e Econômica;

  4. Na fórmula Dupont, o produto desses índices resulta na taxa de retorno sobre o ativo total.

Quer desbloquear o arquivo? Siga o passo a passo.

Críticas e Sugestões? Entre em contato ou mantenha-se conectado nas redes sociais.

#finanças

5,713 visualizações

© 2014-2020 Função Contábil | Planilhas de Contabilidade 

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • RSS ícone social